O ESTADO DA ARTE DA FILOSOFIA DA INFORMAÇÃO NA CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO BRASILEIRA

TítuloO ESTADO DA ARTE DA FILOSOFIA DA INFORMAÇÃO NA CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO BRASILEIRA
Tipo de publicaçãoTrabalho acadêmico
AutoresREVOREDO, TÚLIO DE MORAIS
Instituição / UniversidadeUNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO - UFPE
CidadeRECIFE
Ano2011
Núm. de páginas55
Resumo

No novo contexto de informação que surge de forma muito efêmera e estreitamente ligada às novas tecnologias, faz-se necessário o questionamento e o entendimento de como esta informação está sendo gerada e consumida, visto que, a informação no atual contexto social encontra-se em constante mutação e podendo surgir de diversas formas. Nessa abordagem, surge a Filosofia da Informação. O termo Filosofia da Informação bem como seu conceito analisado aqui, tem início com o filósofo Italiano Luciano Floridi, devido ao seu pioneirismo em estruturar e apresentar as teorias para o estudo filosófico da Informação. Esta pesquisa apresenta um panorama da Filosofia da Informação e suas relações teóricas com a Ciência da Informação brasileira. Nesse sentido, para estruturação do panorama conceitual entre a Filosofia da Informação e Ciência da Informação, foram coletados artigos nos periódicos científicos brasileiros de Ciência da Informação e nos Anais do ENANCIB, onde, por consequência, foram identificados quais artigos seriam analisados. A pesquisa Identificou, Analisou e apresentou, sob a ótica da Ciência da Informação, o estado da arte da Filosofia da Informação na literatura científica brasileira, por meio dos 15 problemas proposto por Fernando Ilharco, que se baseou em Floridi para criá-los. Desse modo, foram apontadas as principais aproximações conceituais entre ambos os campos de estudo.

Translated TitleTHE STATE OF THE ART OF PHILOSOPHY OF INFORMATION IN INFORMATION SCIENCE BRAZILIAN
Palavras-chaveAC. Relacionamento da Biblioteconomia e CI com outros campos., Ciência da Informação, Fernando Ilharco, Filosofia da Informação, Luciano Floridi
Tipo de trabalhoMonografia
AnexoTamanho
TULIO REVOREDO_FILOSOFIA DA INFORMAÇÃO.pdf (0)559.61 KB